© Psicólogos na Paulista

Rua Itapeva, 518 - Cjtos. 605/606       Bela Vista - São Paulo- SP       (11) 3262-4688

Terapia Sexual

          Uma Disfunção Sexual caracteriza-se por uma perturbação nos processos do ciclo da resposta sexual ou por dor associada com a relação sexual.

          O ciclo da resposta sexual consiste em quatro fases:

     Fase 1 - Desejo: são fantasias relacionadas à atividade sexual e o desejo de tê-la;

     Fase 2 - Excitação: diante de uma estimulação ambiental ou de comportamentos encobertos (pensamentos) ocorre alteração fisiológica no organismo em resposta a estimulação. No homem, a tumescência e a ereção peniana. Na mulher, vasocongestão pélvica, lubrificação, expansão vaginal e turgescência da genitália externa;

     Fase 3 - Orgasmo: é o clímax do prazer sexual, ocorrendo a eliciação da tensão sexual com contração rítmica dos músculos do períneo e órgãos reprodutores. No homem, ocorre a inevitabilidade ejaculatória seguida da emissão do sêmen. Na mulher ocorrem contrações da parede do terço inferior da vagina. Tanto no homem como na mulher, o esfíncter anal se contrai ritmicamente;

     Fase 4 - Resolução: caracteriza-se pelo relaxamento muscular e sensação de bem-estar. O homem fica fisiologicamente refratário à outra ereção e a outro orgasmo por período variável de tempo. Muitas mulheres podem ser capazes de responder a uma outra estimulação quase que imediatamente.

          A disfunção ou transtorno sexual pode ocorre em uma destas quatro fases ou em mais de uma. Muitas variáveis são consideradas para se chegar a uma avaliação comportamental (diagnóstico). Devem ser levadas em consideração: o contexto em que a disfunção ocorre, a funcionalidade da disfunção na vida do cliente, idade, experiência, freqüência, cronicidade do sintoma, grau de sofrimento, condição médica associada, uso de substâncias, dentre outros

Para agendar uma consulta clique aqui

e entre em contato

João Batista Pedrosa

CRP - 06/31768